NATAL TEMAS BÍBLICOS

06:01

O tempo do Natal é rico em temas bíblicos e teológicos. Assinalado alguns pontos que nos podem ajudar a celebrar e vivenciar, de modo mais profundo, o mistério da encarnação e do nascimento de Jesus Cristo:

 Natal-4 1. Deus se faz homem e vem morar entre nós

  • Encarnação do verbo eterno: “A Palavrar se fez homem e habitou entre nós” (Jo 1,14).
  • Jesus “esvaziou-se a si mesmo e assumiu a condição de servo, tomando a semelhança humana” (cf. Fl 2,6ss).
  • “A Vida manifestou-se: nós vimos e damos testemunho e vos anunciamos está vida eterna que estava com o Pai e apareceu a nós” (1Jo 1,1ss).

2. A Virgem Maria no mistério do Natal

  • Maria aceita ser mãe do Salvador, o “Filho do Altíssimo” (Lc 1,35).
  • Diante de Jesus recém-nascido, Maria comtemplava e meditava (cf. Lc 2,19; 2,51).

3. Pobreza e despojamento

  • Maria “deu à luz o seu filho primogênito, envolveu-o com faixas e reclinou-o numa manjedoura, porque não havia um lugar para eles na sala” (Lc 2,7).

4. Paz

  • Jesus é o “Príncipe da Paz”, segundo a profecia de Isaías (cf. Is 9,5). Os anjos louvavam a Deus, dizendo: “Paz na terra aos homens que Deus ama” (Lc 2,14). O prolongamento deste tema no Dia Mundial da Paz, 1º de janeiro, tem seu fundamento bíblico.

5. Alegria

  • “Eis que eu vos anuncio uma grande alegria, que será para todo o povo: nasceu-vos hoje um Salvador, que é o Cristo-Senhor” (Lc 2,10-11).

6. Fé e símbolos

  • O povo cristão expressa sua fé também com símbolos natalinos: novena de Natal, presépio, estrela, árvore, augúrios de Natal, presentes… É importante que todos conheçam o sentido original de cada símbolo do Natal, a fim de não se deixarem seduzir por seu aspecto consumista. Os símbolos remetem-nos para Deus.

Compartilhe

Fundada no ano de 1758 no Distrito de Benfica, Município de Benevides, Estado do Pará. Administração: Pe. Saul Muniz, mps

Posts Relacionados

Anterior
« Prev Post
Próximo
Next Post »